Como limpar pedra de jardim?

pedra

Você quer que aquela pedra branca do seu jardim torne a ser branquinha? Pois bem, abaixo está uma listinha de como proceder para ver suas pedras branquinhas e novas de volta ! 😉

– Retire as pedras do vaso e lave-as em água corrente abundante para retirar o excesso de sujeira
– Dissolva, em uma bacia, 200 ml de água sanitária em um litro de água
– Coloque as pedras do jardim na solução e deixe-as por dois dias
– Após esse período, retire as pedras e enxágue-as duas ou três vezes em água corrente
– Deixe-as secar em um local onde as pedras fiquem bem espalhadas
– Quando elas já estiverem bem secas, devolva-as para o vaso.

É aconselhável colocar uma manta de drenagem embaixo das pedras evitando que tenham contato direto com a terra e permaneçam mais tempo limpas.

Fonte: ig.com.br

Linda Itália!

Reggia di Caserta – Palácio Real de Caserta

italia

Estilo: Barroco nacionalista – muito próximo do Neoclassicismo.

Jardim: Italiano – Simétrico.

Situado em Caserta, região italiana da Campania.

Edifício encomendado pelo rei Carlos VII , como centro administrativo.

Arquiteto responsável: Luigi Vanvitelli.

Uso atual:  Museu aberto ao público – patrimônio cultural tombado pela UNESCO.

Scala_Reggia_CasertanaA imponente Scala Reggia do palácio, ápice do poder absoluto da monarquia bourbónica de Nápoles. Esta nova dinastia dotaria o reino de una independência que não desfrutava desde os tempos de Frederico IV de Nápoles (1452-1504).

800px-Caserta-reggia-15-4-05_036

A sala do trono.

 

Jardim Inglês

Foi um jardim inovador,avesso às formas simétricas e artes de topiaria. Encanta pelas suas formas curvas e arredondadas, tanto no relevo como nos caminhos e na construção de bosques.

Esse estilo é composto de vastos gramados com grandes alamedas. Não se usa terrenos planos e sim com ondulações que por sua vez, são muito valorizadas. Formas geométricas ou retas não são usadas.

Podem-se misturar árvores e arbustos ou mesmo usá-los separadamente, plantas floríferas e perfumadas podem ser aplicadas nos maciços em meio ao extenso gramado.

 

 

Componentes como rochedos e pequenas colinas, construção de ruínas, clareiras, lagos, riachos, quiosques, são bem-vindos porque trazem naturalidade e charme ao jardim. O intuito desse jardim é fazer com que a pessoa tenha a impressão de que anda por um bosque antigo e natural, onde o homem não interferiu na natureza.

Jardim Francês

É o mais rígido e formal de todos os estilos, um jardim clássico. Sua composição só aceita formas geométricas e simetria perfeita, um exemplo desse tipo de jardim é o do Palacio de Versalhes, que demostra o domínio do homem na natureza.

Os caminhos desse jardim são largos e bem definidos, com arbustos perfeitamente topiados. As curvas francesas são muito utilizadas, todas perfeitamente simétricas e organizadas.

Em questão de flores são usadas  roseiras, tulipas e azaléias, que são vistas apenas em canteiros delimitados.

Devido à intensa necessidade de podas, o jardim francês é considerado de alta manutenção e custo, que pode ser amenizado com plantas de crescimento lento a moderado.

Outros elementos também podem fazer parte, como lagos, bancos, colunas, caramanchões, luminárias, esculturas, etc, desde que se integrem ao estilo.